Compartilhar
Publique nesta revista
Informação da revista
Vol. 84. Núm. 1.Janeiro - Fevereiro 2018Páginas 1-132
Compartilhar
Compartilhar
Baixar PDF
Mais opções do artigo
Visitas
2709
Vol. 84. Núm. 1.Janeiro - Fevereiro 2018Páginas 1-132
Carta ao editor
DOI: 10.1016/j.bjorlp.2017.05.013
Effects of exposure to 2100MHz GSM‐like radiofrequency electromagnetic field on auditory system of rats
Efeitos da exposição a um campo eletromagnético na radiofrequência de 2.100MHz, similar ao sistema GSM, no sistema auditivo de ratos
Visitas
2709
Seyed Mohammad Javad Mortazavia,b, Seyed Ali Reza Mortazavic, Maryam Paknahadd,
Autor para correspondência
paknahadmaryam@yahoo.com

Autor para correspondência.
a Shiraz University of Medical Sciences, School of Medicine, Medical Physics Department, Shiraz, Iran
b Shiraz University of Medical Sciences, Ionizing and Non‐ionizing Radiation Protection Research Center (INIRPRC), Shiraz, Iran
c Shiraz University of Medical Sciences, School of Medicine, Research Committee, Shiraz, Iran
d Shiraz University of Medical Sciences, School of Dentistry, Oral and Maxillofacial Radiology Department, Shiraz, Iran
Este item recebeu
2709
Visitas
Informação do artigo
Texto Completo
Bibliografia
Baixar PDF
Estatísticas
Cara Editora,
Texto Completo

Lemos o artigo de Celiker et al. intitulado “Efeitos da exposição a um campo eletromagnético na radiofrequência de 2.100MHz, similar ao sistema GSM, no sistema auditivo de ratos”, publicado no Brazilian Journal of Otorhinolaryngology.1 Celiker et al. avaliaram os efeitos do campo eletromagnético (EMF – do inglês Electromagnetic Field) na frequência de 2.100MHz, similar à modulação do Sistema Global para Comunicações Móveis (GSM – do inglês Global System for Mobile Communication), produzido por um gerador de EMF, no sistema auditivo de ratos. Apesar de seu tema desafiador e do conteúdo bem estruturado, o artigo escrito por Celiker et al. tem algumas falhas. A primeira deriva do fato de que os autores investigaram apenas os efeitos de dois modos (ou seja, modo de conversação e modo desligado). Assim, faltam dados sobre os outros dois modos, “em espera” e “conversação+wi‐fi” (conversa, uso de um telefone celular conectado à rede wi‐fi). É interessante notar que, em contraste com relatos anteriores,2 tem sido demonstrado que a exposição pessoal ao EMF pode ser afetada pelo próprio telefone celular em modo de espera.3 Além disso, devido aos avanços rápidos na tecnologia de telecomunicações, os telefones móveis na vida moderna são muito mais frequentemente usados para navegar na Internet do que para chamadas telefônicas. Portanto, normalmente usamos nossos telefones celulares no modo de conversa enquanto ele está simultaneamente conectado à rede wi‐fi.

Outra falha é também devida às propriedades técnicas do gerador de EMF usado. Os autores declararam que “o grupo de RF‐EMF foi exposto a um EMF contínuo produzido por um gerador de EMF (Anritsu MG3670B, Japão) durante 30 dias. O gerador foi ajustado a um nível de sinal (potência) de 5,4 dBm (3,47 mW) e uma frequência de 2.100MHz para simular o modo de conversação em um telefone celular”. Deve notar‐se que o gerador de sinal de modulação digital MG3670B que opera na gama de frequências de 300kHz a 2,25GHz é fundamentalmente concebido para testar e avaliar o equipamento de comunicações móveis digitais e dispositivos relacionados. Nesse sentido, os autores deveriam fornecer algumas informações básicas sobre a modulação (caso esse dispositivo seja usado com modulação) e outras especificações técnicas que mostrem que o MG3670B pode simular um GSM de telefone celular.

Conflitos de interesse

Os autores declaram não haver conflitos de interesse.

Referências
[1]
M. Çeliker,A. Özgür,L. Tümkaya,S. Terzi,M. Yılmaz,Y. Kalkan
Effects of exposure to 2100MHz GSM‐like radiofrequency electromagnetic field on auditory system of rats
Braz J Otorhinolaryngol, 83 (2017), pp. 691-696 http://dx.doi.org/10.1016/j.bjorl.2016.10.004
[2]
K. Hansson Mild,J. Bach Andersen,G. Frølund Pedersen
Is there any exposure from a mobile phone in stand‐by mode?
Electromagn Biol Med, 31 (2012), pp. 52-56 http://dx.doi.org/10.3109/15368378.2011.624232
[3]
D. Urbinello,M. Röösli
Impact of one's own mobile phone in stand‐by mode on personal radiofrequency electromagnetic field exposure
J Exp Sci Environ Epidemiol, 23 (2013), pp. 545-548

Como citar este artigo: Mortazavi SM, Mortazavi SA, Paknahad M. Effects of exposure to 2100MHz GSM‐like radiofrequency electromagnetic field on auditory system of rats. Braz J Otorhinolaryngol. 2018;84:131.

Copyright © 2017. Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial
Idiomas
Brazilian Journal of Otorhinolaryngology

Inscreva-se a Newsletter

Opções de artigo
Ferramentas
Política de cookies
Utilizamos cookies próprios e de terceiros para melhorar nossos serviços e mostrar publicidade relacionada às suas preferências, analisando seus hábitos de navegação. Se continuar a navegar, consideramos que aceita o seu uso. Você pode alterar a configuração ou obter mais informações aquí.